Mulher satisfeita mexendo nas suas roupas

Como organizar o guarda roupa

Quer se vestir melhor? Então, comece dando uma geral no seu armário. Veja no post a seguir muitas dicas de como organizar o guarda roupa! Só assim você encontrará as peças certas para montar aquele look bapho sem perder tempo! Confira!



Visualize e use

Está comprovado, só vestimos aquelas peças que estão no nosso campo de visão.

Então, não adianta achar que vai fazer combinações incríveis de manhã cedo antes de sair, se você não tiver tudo ao alcance dos seus olhos e mãos.

Parece que os minutos passam mais rápido nas primeiras horas da manhã, já reparou? Qualquer bobeira e já saímos atrasadas.

Com isso, é comum optarmos pelas mesmas combinações de peças de roupa, para não termos que pensar muito, é meio no piloto automático, certo?

Dicas para montar um guarda-roupa sazonal.
Como organizar o guarda roupa?



Um armário enorme não é garantia

Um armário, ou mesmo um closet grande, não é uma garantia para se vestir bem.

Quanto mais espaço, em geral, mais compramos e vamos lotando o nosso armário, até que chegamos ao ponto de termos de pendurar várias peças de roupa por cabide.

Ou então, fazemos aquelas pilhas enormes de roupas, que sempre que puxamos uma, bagunçamos tudo.

É tanta coisa que a gente acaba se perdendo e usando sempre as mesmas peças de roupa.

E toda a vez que vamos sair, pensamos que não temos roupa, mesmo com um armário abarrotado de peças.

E aí, se identificou? Então, veja aqui nesse post várias estratégias de como organizar o guarda roupa.



A chave é a organização

Se você quer aproveitar mais as suas roupas, a melhor dica que eu posso dar é organizar o seu armário.

Assim, o meu princípio da organização é:

Manter todas as coisas da mesma família no mesmo lugar.

Dessa forma, não tenho que procurar nada, é só olhar que encontro o que estou precisando.

Com isso monto meus looks rapidamente, pois além das roupas, tenho também organizados meus acessórios, que são a cereja do bolo de qualquer produção de moda.

Como organizar o guarda roupa.


Mas tudo tem limite

Pois é, mesmo utilizando todas as técnicas de organização possíveis, vai chegar um ponto que não será viável guardar mais nenhuma peça.

Afinal, “dois corpos não ocupam o mesmo lugar no espaço”, já diz a física que aprendemos lá no ensino médio.

Então, precisamos comprar menos e comprar melhor, e para isso tenho algumas dicas:

Pense antes de comprar

Bem, temos que começar pensando melhor antes de comprarmos qualquer coisa. Assim, devemos nos fazer as seguintes perguntas, diante das roupas e acessórios que pretendemos adquirir:

  • Preciso mesmo dessa peça?
  • Não tenho outras parecidas?
  • Com o que vou combinar?

Para que comprar mais uma calça jeans? Para que adquirir mais um vestido estampado? Será que vale mesmo a pena comprar essa roupa se eu não tenho nada que combine com ela?

As personal stylist dizem que cada peça tem que combinar com, no mínimo, três outras para você ter um armário versátil.

Então, a partir das respostas a essas questões, temos que tomar uma decisão racional.

Na dúvida, não compre! Vá para casa e reflita. Se a peça ficar na sua cabeça e você achar que realmente irá fazer a diferença no seu armário, volte na loja e passe o cartão.

Não deixe de conferir também o post: 7 dicas preciosas de como renovar o guarda-roupa-sem fazer compras.

Como organizar o guarda roupa.

Como organizar o guarda roupa quando já está lotado

Mas e com o estrago já feito? O que fazer com um armário lotado de peças? Só temos três saídas, e uma não exclui a outra:

  • Saída número 1: desapegar daquilo que já não usamos mais.
  • Número 2: montar um guarda-roupa sazonal.
  • Saída número 3: reorganizar nosso armário.

Comece pelo desapego

A primeira etapa é a triagem. Você precisa tirar tudo do armário e separar as peças em quatro a cinco grupos:

  • As que ficam
  • Aquelas que vão para o lixo
  • As que serão vendidas (se você tiver esse costume)
  • Aquelas que vão para doação e
  • As peças que vão para o conserto.

Importante: deixe na pilha do “fica” apenas aquelas peças que você realmente gosta e que caibam agora. Você precisa experimentar tudo para saber.

É bem provável que a maioria você nem use, ou quando usa, não fica muito satisfeita com o resultado no espelho.

Aquelas peças que você tem dúvida, observe durante 1 mês, se não usar nesse período, desapegue.

Triagem das roupas: monte um guarda roupa sazonal.



Monte um guarda-roupa sazonal

Chamo de guarda roupa sazonal porque costumo fazer essas arrumações 2 vezes por ano, uma no início da primavera/verão e outra no início do outono/inverno, já que nossas estações são muito pouco definidas.

Mas não importa em que mês você está, quando estiver lendo esse post. Se o seu armário está um caos, comece agora mesmo!

Saiba que esse processo é meio longo, então faça em um dia que você tenha mais tempo. Se você acha impossível fazer tudo em um único dia, faça um pouco de cada vez, por exemplo, uma seção do armário por semana. Mas o importante é fazer!

Você vai redescobrir peças que nem lembrava mais que existiam. É quase como fazer compras, mas sem gastar um tostão!

Então, coloque uma playlist que você adora para tocar e mãos a obra!

Como organizar o guarda roupa.

Como organizar o guarda-roupa: passo a passo da técnica do armário sazonal

Nas peças que ficaram após aquela triagem inicial, faça uma nova triagem, mas dessa vez separando-as em 3 novos grupos, são eles:

  • Peças neutras de meia estação
  • Peças de primavera e verão
  • As de outono e inverno



Peças de meia-estação

Essas servem para usar naqueles dias que não estão nem muito frios e nem muito quentes.

Separe aquelas peças mais curingas e de cores neutras como o bege, o branco, o cinza e o preto.

Assim, peças como calças e shorts jeans, T-shirts, cardigans e jaquetas mais finos, blazers, quimonos, camisas de de seda ou tricoline, vestidos básicos etc., podem ficar disponíveis o ano todo, justamente porque o nosso clima anda bem louco.

Podem ter dias quentes em pleno inverno e mais friozinhos em pleno verão. Essas peças nos agasalham levemente nessas horas mais frias, quebrando um galhão.

Aqui em SP, por exemplo, é comum sentir frio de manhã e a noite, e morrer de calor durante a tarde, por exemplo.

Tem também certos escritórios que calibram a temperatura do ar condicionado para deixarem os homens de terno confortáveis.

Nós mulheres de blusa de alcinha viramos picolé, se não tivermos um casaquinho a nossa disposição, mesmo no alto verão. Mas pelo menos nos vingamos na hora do almoço, quando saímos fresquinhas no calor de 40 graus.

O inverso também acontece, no meio do nosso “inverno” tem aqueles dias em que o tempo está maravilhoso para pegarmos uma praia. Vai entender…


Peças de primavera e verão

São todas aquelas roupas mais frescas e coloridas.

Exemplos são os vestidos mais leves e de cores mais vivas, as camisetas de alças, shorts e saias de tecidos finos ou esvoaçantes, florais de fundo claro, enfim, tudo aquilo que gostamos de vestir nos dias ensolarados e quentes.

Confira as tendências primavera/verão 2021.

Peças de outono e inverno

São peças de outono/ inverno aquelas roupas mais quentes e de cores invernais ou escuras.

São cores das estações mais frias: o vinho, o verde-escuro, o marrom e o azul-escuro. Essas estão sempre na moda quando os termômetros abaixam.

Falo de roupas como casacos mais pesados, pullovers, cashmeres, calças de veludo, saias de lã, enfim, tudo o que você usa em dias mais frios ou cinzentos.

Mesmo que você more em lugares que não chegam a esfriar muito, é interessante fazer um rodízio com suas peças.

No outono/inverno é hora de dar ênfase as cores mais fechadas, aos tecidos mais grossos ou com aspecto de mais quentes, aos lenços, echarpespashminasbotas chapéus.


Última etapa: reorganize as peças no armário

Está comprovado, nós só usamos aquilo que vemos, portanto, facilite ao máximo a visualização das suas peças!

Então, coloque em lugares menos acessíveis do seu armário aquelas roupas que você sabe que não vai conseguir usar nos próximos 6 meses, deixando mais espaço para as peças da estação, nos lugares mais fáceis de acessar.

Os lugares de fácil acesso são aqueles que estão ao alcance dos nossos olhos e mãos, sem nenhum esforço.

Comece rearrumando as peças da estação atual dentro do armário, pendurando uma por cabideagrupando por tipos, ou seja, todos os coletes, todas as camisas, todas as calças, e por aí vai…

Arrume também as peças de meia estação, nos lugares mais fáceis de ver e pegar, pois vira e mexe você vai precisar delas para montar seus looks.

A seguir vou apresentar melhor como deve ser feita a reorganização das peças com muitas dicas práticas.

Como organizar o guarda roupa.


Como organizar o guarda roupa: dicas práticas

Invista em cabides

As peças em cabides são sempre as mais fáceis de ver e usar, portanto, pendure o máximo possível as roupas da estação. 

Então, assim que possível, troque todos os seus cabides por um modelo mais estreito, dessa forma vão caber mais roupas penduradas.

Eu recomendo cabides de veludo, que além de finos, seguram a roupa, não deixando que a mesma escorregue e caia no fundo do armário, fazendo bagunça.

Cabide de veludo.
Cabide de veludo: os melhores na minha opinião (aqui tem).

Todos iguais de preferência!

Outra dica é usar todos os cabides iguais, ou seja, com a mesma altura de gancho. Quando você usa cabides com várias alturas diferentes, a impressão que dá é de um armário desorganizado visualmente.

De preferência, pendure uma só roupa por cabide. Isso facilita a visualização de tudo o que você tem.

E faz toda diferença ter bons cabides, vale investir. Você pode ir comprando aos poucos, tipo uma dúzia nova por mês. Contudo, compensa pelo preço, comprar kits de cabides.

Se você não quiser investir nos de veludo, use um elástico nas pontas dos cabides para ajudar a manter as peças no lugar.

Como organizar o guarda roupa.
Truque do elástico no cabide para segurar as peças de roupas.

É bom ter também cabides com presilhas para pendurar saias e outros, mais estruturados, para pendurar blazers e jaquetas.

Como organizar o guarda roupa: cabides para saias e shorts.
Cabide para pendurar saias ou shorts.

Para as calças vale a pena usar cabides pequenos, os infantis, já que não deixam a peça escorregar para os lados.

Veja na imagem abaixo, a primeira calça pendurada em um cabide grande e caindo para os lados e as demais bem organizadas em cabides infantis.

Como organizar o guarda roupa.
Use cabides infantis para pendurar suas calças, elas ficam certinhas. Essa dica simples e genial!

As únicas peças que não devem ser penduradas em cabides são aquelas que esticam, pois o próprio peso da roupa acaba por deformá-las.



Use o critério das cores

A seguir, reorganize cada grupo de peças por cor, formando um degradê.

Como organizar as roupas no armário.
Use o critério das cores na hora em que for pendurar suas peças.

Gavetas e prateleiras

Quando acabar o espaço de pendurar as roupas, passe a ocupar as gavetas e prateleiras, de forma a deixar na altura dos seus olhos as peças que você mais usa, e nas prateleiras e gavetas mais altas ou baixas demais as peças menos usadas.

Mas não faça pilhas muito altas. Assim, você evita que ao pegar uma peça de baixo, acabe bagunçando toda a pilha.

Você pode usar um gabarito (tem aqui) ao dobrar as camisetas, para que todas fiquem do mesmo tamanho e formem um pilha mais uniforme nas prateleiras ou gavetas.

Como organizar o guarda roupa.
Gabarito para dobrar camisas. Veja modelos aqui.

Se não quiser comprar um, pode usar uma prancheta ou então um caderno universitário.

Ao guardar as camisetas em gavetas, para facilitar a visualização, dobre-as na forma de envelope. Para fazer isso, depois da dobra convencional, dobre mais duas vezes, e organize nas gavetas de forma que todas fiquem visíveis olhando de cima (veja imagem abaixo) ou então faça rolinhos com elas.

Assim elas também ocupam menos espaço nas gavetas e ainda por cima não amarrotam.

Como organizar o guarda roupa.
Forma de organizar as t-shirts na gaveta, dobradas como envelopes.



Como organizar o guarda roupa: use organizadores

Mas não adianta arrumar tudo direitinho, mas em um tipo de organização difícil de manter. Então, utilize organizadores para facilitar a tarefa de recolocar suas roupas e acessórios sempre nos seus devidos lugares.

Existem vários tipos de soluções de organização que fazem muita diferença, então, vale a pena investir um pouco. Você escolhe o modelo conforme a quantidade de peças que possui e o espaço disponível para guardar suas coisas.

A maioria dos modelos são adaptáveis a vários armários. Então, mesmo que você precise mudar de casa, não vai perder o investimento.

Como organizar o guarda roupa.
Roupas íntimas sempre bem organizadas.



Organizadores de gavetas

Existem vários tipos de organizadores para gavetas. Abaixo selecionei alguns:

  1. Colmeia organizadora para gavetas c/ 12 divisões (LINK)
  2. Organizador de sutiã, vários modelos visite o link para ver mais opções (LINK)
  3. Colmeias transparentes para gaveta (LINK)
  4. Organizador de gavetas para sutiãs com bojo em PVC Transparente 6 nichos (LINK)



Como organizar o guarda roupa: organizadores de prateleiras

Tem também organizadores para serem utilizados em prateleiras.

Separador de prateleiras (LINK), organizador super versátil.
Separador de prateleiras (LINK).

Organizadores para acessórios

Os acessórios transformam as roupas, por isso, devem estar sempre a mão na hora de montar seus looks. Então, use os organizadores para facilitar a arrumação.

Deixe seus lenços e echarpes a mostra para você não esquecê-los na hora de montar suas produções. Você encontra no mercado cabides próprios para pendurar esses itens.

Cabide de lenços e echarpes, existem em vários modelos (LINK).

Caso não queira comprar um cabide específico para pendurar seus lenços, cachecóis e pashiminas, use um cabide comum, como na imagem abaixo:

Como se vestir melhor: organize usando toda a sua criatividade.
Como organizar o guarda roupa.
Coloque os cintos enroladinhos em colmeias.
O separador de prateleiras (LINK) para organizar suas bolsas.

O cabideiro vertical abaixo é uma boa opção para guardar sapatos, roupas de ginástica, clutches, camisetas, e o que mais você precisar.

Cabideiro vertical (LINK).
Preencha o cano das suas botas com pedaços daqueles flutuadores chamados de macarrão. Assim, elas ficarão firmes e o couro não ficará marcado.

Veja também post sobre como organizar sapatos.



Como guardar as peças que estão fora da estação

As peças que estão fora da estação podem ser guardadas em outro cômodo, nas prateleiras superiores e de mais difícil acesso, e até dentro de malas.

As malas, contudo, só valem a pena se você não tiver planos de viajar dentro dos próximos 6 meses pelo menos.

Primeiro, lave essas roupas se necessário, depois guarde-as em embalagens de TNT, que permitem que os tecidos “respirem”, mas sem pegar poeira.

Embalagens de TNT para guardar roupas
Caixas de TNT para armazenar roupas.

Também vale usar aqueles sacos de guardar roupas que podem ser fechados a vácuo, pois, assim, vão ocupar menos espaço.

Sacos a vácuo para montar um guarda-roupa sazonal.
Sacos para embalar as roupas a vácuo (aqui tem).



Outras dicas de como organizar o guarda roupa

  • Arrume os pijamas na última gaveta, pois em geral você não troca todos os dias.
  • Cole etiquetas de identificação nas gavetas e prateleiras para saber para onde voltar com as peças depois de usadas e lavadas.
  • Coloque sachês aromatizantes no guarda roupa para manter suas peças sempre cheirosas e gostosas de usar.
  • Um espaço muitas vezes pouco aproveitado para guardar peças fora da estação é embaixo da cama. Para isso use caixas e sacos também de TNT, que permitem que o couro ou o tecido “respire” e não mofe. Mas não se esqueça, meça o espaço disponível antes de comprar as caixas.
  • Faça a mesma separação nos sapatos. Botas de cano longo e sapatos fechados, com modelos e cores muito invernais, também devem ser guardados em outros locais menos acessíveis no período de primavera/verão. Veja aqui como organizar sapatos.
  •  Chapéus podem ser guardados encaixadinhos um dentro do outro, para não ocupar muito espaço, em caixas plásticas ou de TNT.
  • E não se esqueça, use a sua criatividade sempre! Procure também reaproveitar o que você já tem. Por exemplo, use caixas de papelão e até de sorvete para organizar as suas coisas. Se quiser encape todas com o mesmo papel ou plástico, para dar uniformidade e um charme ao seu armário.



Observação

Mas se ao final de todo esse processo seu armário ainda ficar muito cheio, tente desapegar mais.

Sabe quando você puxa um cabide e vem outros três juntos, meio grudados? Então, isso não funciona, pois amarrota todas as peças.

E roupa amassada ninguém quer usar, então, não adianta ter um monte, se elas não estiverem em condições de uso.

O mesmo vale para peças mal conservadas ou descosturadasDica: tenha um kit de emergência de roupas sempre a mão.

Gostou das dicas de como organizar o guarda roupa?

A verdade é que não existe uma única fórmula mágica de organização.

O ideal é você ir testando e adaptando o que mais funciona para você, dependendo do espaço disponível, do clima da sua cidade, do tipo de roupa que você veste no dia a dia e dos tipos e quantidades de peças que você tem.

Para mais dicas de organização clique aqui.

Dicas para montar um armário sazonal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima