Balletcore: A Tendência de Moda que Mistura Graciosidade e Elegância

Nos últimos tempos, uma nova tendência de moda tem conquistado os corações dos fashionistas e amantes da dança em todo o mundo: o Balletcore. Inspirado na elegância e na graça do ballet clássico, o Balletcore combina peças de vestuário e acessórios que evocam a beleza e a leveza dos bailarinos de ballet. Se você está procurando uma maneira de adicionar um toque de sofisticação e feminilidade ao seu guarda-roupa, o Balletcore é a escolha perfeita para você. Neste artigo, vou explorar o que é o Balletcore, como incorporá-lo ao seu estilo pessoal e algumas dicas essenciais para arrasar nessa tendência encantadora.

Balletcore: tudo sobre essa estética

O que é o balletcore

O Balletcore é uma estética de moda que se inspira no mundo do ballet clássico.

Balletcore estética da moda.

Essa tendência combina elementos do vestuário de dança, como saias tutu, sapatilhas delicadas, tecidos leves e fluidos, com peças do dia a dia, criando looks que são ao mesmo tempo elegantes, delicados e confortáveis.

Estética Balletcore.

É um movimento de retorno a feminilidade e ao romantismo, que valoriza a suavidade e a graciosidade, proporcionando uma maneira única de expressar estilo pessoal.

Como surgiu

Desde o século passado, a moda desempenhou um papel importante na evolução do balé, mas não foi a única coisa que influenciou essa forma de arte.

O balé atingiu seu auge, pois conseguiu permear todos os aspectos da cultura pop, incluindo filmes, séries, moda, artes plásticas e assim por diante.

Balletcore estética.
Look da abertura do seriado Sex and the City (1998).

Essa estética da moda foi vista em tudo, desde o muito comentado filme Cisne Negro até nos créditos de abertura de Sex and the City, onde Carrie Bradshaw está vestindo um tutu no meio de Manhattan.

Cena do filme Cisne Negro (2011).

Assim, essa estética do Ballecore não é nova, é na verdade uma releitura do que esteve muito em alta nos anos 2010. Que, por sua vez, bebeu de diversas referências do século XX, de Chanel, Balmain, Dior e até Viviene Westwood.

O ressurgimento

Se quiséssemos, porém, traçar o início do ressurgimento do balletcore, seria com a estreia do desfile outono/inverno 22 da Miu Miu.

Recebido com aclamação imediata da crítica, o desfile marcou o retorno triunfante das icônicas sapatilhas com alças com logotipo da casa.

Desde então, vimos itens inspirados no balé defendidos por algumas das marcas mais badaladas, incluindo Simone Rocha, Reformation e Jacquemus, para citar algumas.

A cada temporada, incluindo as coleções primavera/verão 2024 recentemente exibidas, vimos designers reinventarem o balletcore em algo mais ousado do que nunca.

Balletcore estética da moda.

Se isso não bastasse, a recente adoção generalizada da tendência nas redes sociais provou que o balletcore não é apenas grande – ele já existe.

Confira também o post com as 33 principais tendências de moda para o outono/ inverno 2024.

Estéticas da moda: in ou out?

Balletcore estética da moda.

Ame ou odeie, estamos agora na era em que vestir-se dentro de um tema não é mais clichê ou cafona. Sim, alguns ainda podem considerar a estética da moda a antítese do estilo pessoal, mas não é necessariamente.

O conceito de vestir-se pela estética não só mudou a forma como nos relacionamos com as roupas, mas também nos deu uma desculpa para abandonar completamente o fast fashion.

Para quem ainda não estabeleceu seu estilo pessoal, a estética oferece uma forma de explorar novas perspectivas da moda sem tropeçar.

Balletcore estética da moda.
Em última análise, a chave para manter o equilíbrio quando se trata de adotar uma estética se resume a escolher uma que possa oscilar habilmente entre ser moderna e atemporal.

Como usar a estética ballet core

Ao definir o visual do balletcore, há algumas coisas a serem lembradas. A primeira é que grande parte da estética geral consiste em explorar coisas que são bonitas e tradicionalmente femininas, o que se manifesta através das cores, tecidos e silhuetas escolhidas.

Balletcore estética da moda.

Paleta de cores

Normalmente, você imagina as bailarinas vestindo uma paleta pastel suave de rosa claro, lilás claro, azul bebê e verde sálvia com toques neutros, incluindo branco, preto, cinza e nude.

Estilo bailarina.

Ocasionalmente, uma cor mais brilhante como o vermelho será incluída na mistura, mas no geral, a maior parte da paleta de cores é recatada.

Assine a Newsletter do blog e receba por e-mail todas as atualizações e ofertas exclusivas. É só preencher os campos abaixo:

Tecidos

Em termos de têxteis, você verá uma mistura de materiais que são utilizados pelas bailarinas durante as apresentações de ballet e, também casuais, quando eles estão “fora de serviço”.

Por exemplo, enquanto as bailarinas estão no palco, elas normalmente usam tule ou chiffon (o material que compõe o icônico tutu) embelezado com cristais, babados ou qualquer outra forma de apliques.

Moda inspirada no balé.

Fora do palco, as bailarinas buscam conforto, o que se reflete em materiais mais respiráveis ​​e fáceis de dançar nos ensaios, como jersey, algodão e caxemira.

Moda feminina inspirada no ballet.

As silhuetas

Tradicionalmente, o visual de uma bailarina no palco seria um vestido com corpete justo e saia volumosa. Mas os designers expandiram essa silhueta para incluir bainhas em formato balonê, cinturas caídas, mangas bufantes e até vestidos com babados.

Em termos de silhuetas fora de serviço, você verá mais equipamentos de treino tradicionais na forma de collant, meia-calça ou leggings e boleros.

Como Incorporar o Balletcore ao seu Estilo

Em resumo abaixo estão as peças que compõem o que hoje consideramos balletcore:

Look com sapatilha.

Balletcore discreto.

  • Meia-calça – LINK

Balletcore estética da moda look.

  • Cachecoeur (wrap tops)

Look balletcore.

Balletcore estética.

  • Saia de tule

Look com saia de tule preta.

  • Tecidos esvoaçantes

look com vestido preto com tecido transparente.

  • Saias e vestidos balonê

Look com vestido balonê.

Balletcore estética da moda.

Dicas para Arrasar no Balletcore

  • Mantenha a simplicidade: o Balletcore valoriza a simplicidade e a delicadeza. Opte por peças minimalistas e evite excessos de acessórios ou estampas chamativas.
  • Acentue a cintura: crie uma silhueta feminina e elegante destacando a cintura com cintos finos ou peças com amarrações.
  • Brinque com texturas: adicione interesse visual ao seu look combinando diferentes texturas, como renda, tule e algodão, para criar uma aparência dimensional e interessante.

Veja também os posts:

Conclusão:

O Balletcore é muito mais do que uma tendência de moda passageira – é uma forma de arte que permite que você se expresse através do seu estilo pessoal. Ao incorporar elementos do ballet clássico ao seu guarda-roupa, você pode criar looks elegantes, femininos e cheios de graciosidade. Experimente algumas das dicas mencionadas acima e deixe sua imaginação voar enquanto você se aventura no encantador mundo do Balletcore!

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: