fbpx
No Sightseeing pela ponte Golden Gate.

São Francisco: dicas de viagem para essa cidade de vanguarda

São Francisco é aquele tipo de cidade que reúne inovação, cultura, ecologia, gastronomia e história. É um dos lugares mais cool que eu já conheci. A frente do nosso tempo, até hoje é vanguarda, quando se trata de costumes e tecnologia. Beneficiada pela proximidade com o Vale do Silício, a cidade oferece muita diversão e descontração, em uma atmosfera que exala criatividade. Mas também não falta lá um pouco de nostalgia. Assim, como em NY, ande por suas ruas e pontos turísticos e sinta-se dentro de um filme ou série de tv. Você encontrará referências e cenários reais para todos os lados! Veja várias dicas de turismo e programe a sua viagem para lá.

São Francisco: dicas de viagem

Revolucionária e rock n’roll

O verão do amor (ou Summer of Love) foi um fenômeno social que ocorreu durante o ano de 1967, quando cerca de 100.000 pessoas, principalmente jovens, com roupas e comportamento hippie, se concentraram no bairro de Haight-Ashbury para protestar. Esse momento revolucionário pregava contra a Guerra do Vietnã e o materialismo e exigia direitos civis para a população afro-americana. A cantora Janis Joplin, entre outros artistas e ativistas, protagonizaram o festival Human Be-in no parque Golden Gate, tornando-se um dos símbolos desse movimento de contracultura. Só por isso já deu para perceber que São Francisco é uma cidade que sempre esteve na vanguarda.

Cara e tecnológica

Apesar de ter uma imagem muito ligada a cultura hippie, a São Francisco de hoje é frequente no top 10 das cidades mais caras do mundo para se viver. Tem, simplesmente, o mercado imobiliário mais inflacionado dos EUA. Isso se dá devido, principalmente pela proximidade com a indústria tecnológica do vizinho Vale do Silício, berço das empresas mais rentáveis da atualidade. Então, prepare-se para gastar um pouquinho mais na hospedagem.

Viva a sociedade alternativa

A cidade mantém sua pegada vanguardista e descolada. Imigrantes de várias partes do mundo, principalmente latinos e asiáticos, compõem a diversificada fauna humana do lugar.

Muitas opções para comer saudável

A vanguarda também marca presença no comércio de alimentos, com muitos restaurantes com propostas inovadoras de comida artesanal, com ingredientes sazonais, vegetarianos e até veganos. O movimento slow food, de oposição ao fast food, encontrou na cidade terreno fértil para se estabelecer e se multiplicar para o mundo.

São Francisco dicas de viagem: o que fazer por lá

A cidade tem opções para todos os gostos e bolsos. Se não quiser gastar muito, passeie simplesmente pelas ruas e lugares. Não falta lugar para ver e curtir.

Ônibus de dois andares

Adoro reservar pelo menos um dia da viagem para entrar em um ônibus desse de dois andares (link) e dar uma geral pela cidade. A vantagem de poder descer e voltar em qualquer um dos pontos do roteiro, facilita entender e mapear tudo aquilo que vale a pena voltar para se aprofundar mais.

No Sightseeing pela ponte Golden Gate.
No ônibus de dois andares pela ponte Golden Gate.

São Francisco dicas de viagem: a famosíssima Ponte Golden Gate

Majestosa é a palavra de mais descreve a icônica ponte vermelha de São Francisco. Mas torça para conseguir vê-la inteirinha, a cidade é famosa por uma neblina constante e seus microclimas que fazem com que possa fazer, em diferentes locais da cidade, mas ao mesmo tempo, chuva, sol, frio e calor.

Passeio de bicicleta

Caso o céu esteja visível, recomendo fortemente que você alugue uma bicicleta em uma das diversas locadoras na região do Fisherman Wharf ou aqui (pela internet) e faça o clássico trajeto em direção a Golden Gate Bridge. Se não quiser fazer o passeio por conta própria, faça um passeio guiado (link).

Pare no Palace of Fine Arts, de 1915, e aproveite para fotografar suas colunas com estilo greco-romano, cúpula gigantesca e o jardim impecável, que arrancam suspiros dos visitantes.

São Francisco dicas de viagem: Palace of Fine Arts.
Palace of Fine Arts.

Depois, siga pela praia de Crissy Field, com a ponte aparecendo mais e mais na paisagem a medida que você vai chegando mais perto. Subindo pela Marine Drive, chega o momento mais esperado, que é atravessá-la, parando para apreciar a vista no caminho.

São Francisco dicas de viagem.
Atravessando a Golden Gate.

Após atravessá-la faça uma parada em Fort Point para fotografá-la de outro ângulo. O Fort Point é uma fortificação costeira de alvenaria que foi concluída pouco antes da Guerra Civil Americana pelo Exército dos EUA para defender a Baía de São Francisco contra navios de guerra hostis. É um local histórico nacional.
Não há cobrança para entrar no local.

Fort Point em São Francisco - dicas de viagem.
Vista do Fort Point.

Se tiver um pouco mais de disposição física e tempo, continue pedalando até Sausalito (veja passeio guiado aqui), bela cidade costeira onde moram artistas e pessoas muito ricas. Lá você pode embarcar nas balsas para voltar ao ponto inicial.

São Francisco dicas de viagem: Golden Gate Park

O Golden Gate Park é imenso, sendo maior que o famoso Central Park de Nova Iorque. Oferece muitas atrações, como o California Academy of Sciences (link), o museu Young (link), o jardim Japonês e o Spreckels Temple of Music.

O California Academy of Sciences (veja o CityPass) é programa imperdível especialmente se você for com crianças. É um complexo com aquário, planetário, estufa simulando uma floresta tropical, entre outras atrações.

São Francisco dicas de viagem.
Ao fundo o California Academy of Sciences.
A beleza do Jardim Japonês.
Spreckels Temple of Music in Golden Gate Park
Spreckels Temple of Music in Golden Gate Park.

Pier 33

É do Pier 33 de onde saem os cruzeiros que levam a Alcatraz, a prisão mais pop do mundo, localizada em uma pequena ilha a 2.500 m da costa. Compre o ingresso com algumas semanas de antecedência, pelo menos, é bem concorrido. A melhor forma de adquirir seu ingresso é on-lineFaça a visita com o audioguia que é narrado por ex-detentos. No passeio você visita celas e aprende sobre criminosos ilustres como Al Capone. Há opção de passeios noturnos, para quem curte sentir um friozinho a mais na barriga, mas tem lugares que ficam inacessíveis a noite.

Presidio Park

O Presidio Park é outro parque de San Francisco, que abriga o Palácio de Artes (Palace of Fine Arts) e o Exploratorium, museu de ciências em que o visitante pode interagir com as exposições.

Fisherman’s Wharf

O Fisherman’s Wharf é um cais com muitos restaurantes, lojinhas de souverins, chocolates e eletrônicos. Não deixe de apreciar a divertida concentração de leões-marinhos que descansam ao sol com o barrigão para cima em plataformas no Pier 39. Muitas vezes, um fica por cima do outro para conseguir o melhor lugar ao sol.

De lá se tem uma boa vista de Alcatraz. Se você curte ver peixinhos, peixões e outros animais marinhos, aproveite para visitar o Aquarium of the Bay (veja CityPass aqui)

Sorrindo para a foto.
Não posso ver bicho que fotografo! kkkkk

Ande de Cable Car

Faz parte da experiência em São Francisco andar pelo menos uma vez em um bondinho, meio de transporte que serve a cidade desde o final do século XIX. Três linhas estão ativas, sendo a Powell-Hyde a que oferece as melhores vistas da cidade. Use o CityPass (veja aqui).

Cable car, não deixe de andar nele pelo menos uma vez.
Aquele programão que você deve fazer turistando em São Francisco.

São Francisco dicas de viagem: Haight Street

Rua que foi reduto dos psicodélicos anos de 1960. Há ainda muitos resquícios do movimento hippie nessa rua, considerada a mais eclética da cidade. Hoje, contudo, quem caminha por Haight-Ashbury encontra um bairro bem comercial. Não faltam casas de piercing e tatuagem, lojas de discos (como a gigantesca e histórica Amoeba Records, megaloja de vinis), livrarias e lojas de roupas transadas (incluindo peças vintage).

Lombard Street

É uma das ruas mais famosas de San Francisco, devido ao fato de que uma de suas quadras ter uma ladeira extremamente íngreme pela qual se trafega em zigue-zague. A linha do Cable Car Powell-Hyde para em frente a este trecho da rua. É um bom ponto para fotos, tanto da própria Lombard Street como também do cable car com a ilha de Alcatraz ao fundo.

Lombard Street.
São Francisco dicas de viagem.
Aproveitando as flores da Lombard Street.
São Francisco dicas de viagem.
Mais flores…
Vista do alto das colinas da cidade.
Vista de Alcatraz das colinas de São Francisco.

Alamo Square

Na região da Alamo Square encontram-se as Painted Ladies, que são as seis casas vitorianas que sobreviveram a um incêndio que devastou a cidade. É um ponto bastante visitado e fotografado de San Francisco. Você pode chegar até lá facilmente de ônibus.

Painted Ladies em São Francisco.
Painted Ladies.

Chinatown

A maior dos EUA, marcada por um portal, é enfeitada com lanterninhas vermelhas. Aqui você encontra muitas lojas de roupas, artigos de decoração típica e muitas quinquilharias. 

Chinatown São Francisco.
Portal de Chinatown.
Mais de Chinatown com as lanterninhas vermelhas ornamentando as ruas.

Union Square e seus arredores

Onde estão concentrados os grandes hotéis e centros culturais. Lojas como Apple, H&M, Urban Outfiters, Victoria Secret’s, Walgreens, Macys, Sephora, cinemas e um bom shopping, o Westfield. 

San Francisco Museum of Modern Art

O Museu de Arte Moderna mostra trabalhos desde 1900 até arte contemporânea. Tem um terraço com vista para os prédios da região e um jardim vertical com 19 mil plantas ao redor de esculturas de Alexander Calder, artista americano famoso por seus móbiles.

Outras dicas sobre São Francisco

Temperatura

A temperatura é predominantemente fria, mesmo no verão, quando em outras partes da Califórnia faz mais de 40o C. Para falar a verdade eu nunca senti tanto frio em uma viagem como em São Francisco e olha que eu fui em julho! Dá para ver nas fotos kkkkkk. Eu já sabia que a temperatura da cidade era mais baixa, mas definitivamente não esperava tanto frio. O problema mesmo foi o vento, cortante… Então, sempre leve um bom casaco e lenços para proteger o pescoço, principalmente.

Hospedagem

A hospedagem em San Francisco não é a das mais baratas. Existem muitas opções de hotéis, desde os mais econômicos até os mais caros. Recomendo ficar ou próximo a Union Square (principalmente perto de um dos pontos do cable car) ou na região do Fisherman Warf. Fiquei hospedada nesse hotel aqui, achei o quarto e o banheiro muito confortáveis. Eu sempre pesquiso os preços nesse e nesse sites também.

São Francisco – dicas de viagem: compras

A cidade não tem os famosos outlets que fazem a alegria dos brasileiros. As principais lojas se concentram na região da Union Square e na Market Street, ambas no centro. O shopping Westfield, em frente a estação inicial do cable car, tem cerca de 200 lojas, entre as quais a Nordstrom e a Bloomingdale’s. Para souvenir, existem muitas opções em Chinatown e na região do Fisherman Warf.

São Francisco dicas de viagem.
A imponente prefeitura da cidade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *