Como tratar celulite: 7 estratégias.

7 estratégias para o combate a celulite

Compartilhe!

Com a temperatura nas alturas, aumentam as oportunidades de se usar biquíni, shortinhos, saias e vestidos curtos para driblar o calor. Por essa razão, cresce a preocupação de nós mulheres com aqueles odiados furinhos na pele das pernas e do bumbum. Veja nesse post como tratar celulite através 7 estratégias.



O que é a celulite?

Bem, vamos começar do começo. Afinal, o que é a celulite?

A celulite, cujo nome correto é lipodistrofia ginoide (lipo = gordura; distrofia = alteração; ginoide = referente à mulher), é uma patologia que acomete principalmente as mulheres.

Surge, em geral, no início da puberdade, independente do peso corporal.
Como tratar celulite: 7 estratégias.
Essa alteração atinge os tecidos subcutâneo e o adiposo, ou seja, a gordura localizada logo embaixo da pele em diversos graus.

Ocorrem alterações estruturais na derme (segunda camada da pele), na microcirculação e, também, nos adipócitos (células que armazenam gordura).

Há acúmulo de gordura, água e toxinas nas células, fazendo com que essas elas fiquem cheias e endurecidas, deixando o local com várias ondulações e retrações, os chamados nódulos de celulite.

Esses nódulos prejudicam a circulação, atrapalhando a drenagem das toxinas e líquidos, agravando ainda mais o problema.



Causas da celulite

É um problema multifatorial, ou seja, vários fatores contribuem para o aparecimento da celulite. Os principais fatores são:

  • Alterações hormonais, comuns na puberdade, gravidez e menopausa
  • Consumo de cigarro
  • Má alimentação
  • Sedentarismo
  • Uso de anticoncepcional oral
  • Retenção de líquido no tecido celular cutâneo
  • Hereditariedade



Consequências

A presença de um ou vários desses fatores concomitantemente, leva a um processo inflamatório, que resulta na formação das chamadas traves de fibroses (ou cicatrizes internas) que retêm células de gordura e líquidos.

Essas travas acabam originando as depressões e saliências na pele, conhecidas como aspecto de casca de laranja. Assim, forma-se um tecido mal oxigenado, subnutrido, desorganizado e sem elasticidade.

Há a presença de edema, resultante do mau funcionamento do sistema circulatório e das consecutivas transformações do tecido conjuntivo. Também há a liberação de mediadores inflamatórios, assim como de radicais livres.

Classificação

A celulite é classificada em 4 graus:

  • 1o grau– não apresenta visualmente ondulações ou irregularidades, mas ao comprimir a pele, surgem pequenas ondulações.
  • 2o grau – leves ondulações e depressões na pele já são percebidas sem a compressão da pele.
  • 3o grau – os nódulos se apresentam claramente perceptíveis. Pode haver dor local.
  • 4o grau – vários nódulos são perceptíveis, a pele com aspecto acolchoado. Também há inchaço pelo comprometimento da circulação de retorno.

Quanto maior o grau da celulite, mais estratégias devem ser utilizadas conjuntamente para se obter bons resultados.



Como tratar a celulite

Como a celulite é um problema multifatorial, o tratamento também deve combinar várias estratégias. Quanto mais tratamentos você utilizar ao mesmo tempo, melhores serão os resultados.

As 7 estratégias mais utilizadas são:

  • Elevado consumo de líquidos
  • Alimentação balanceada para controle do peso
  • Prática de exercícios físicos
  • Ingestão de cápsulas de suplementos
  • Aplicação de cremes anticelulite
  • Massagens
  • Tratamento estéticos com aparelhos em clínicas especializadas



1. Boa hidratação

Uma boa hidratação estimula os rins e facilita a eliminação das toxinas através da urina. Assim, aumente sua ingestão de líquidos. Pode ser tanto água como chás, mas sem a adição de açúcar.

2. Como tratar celulite: alimentação balanceada

Uma alimentação balanceada é o primeiro passo para reduzir a celulite, não só por controlar o peso, como também para reduzir a ingestão de toxinas.

Se a mulher estiver com sobrepeso, a redução do peso já trará melhoras, pois reduz o tamanho das células de gordura, minimizando a aparência da celulite.

Mas como a celulite é um processo inflamatório, a ingestão de alimentos contendo antioxidantes é indispensável para o tratamento. Fiz um post só sobre antioxidantes, para ler clique aqui.

O consumo de sal, presentes em quantidades excessivas nos alimentos industrializados, também deve ser limitado.

O sal é rico em sódio, e esse elemento em excesso acaba retendo mais líquido no corpo. E isso ocorre principalmente no espaço entre as células, intensificando o aspecto da celulite.

Uma ótima medida é substituir a maior parte do sal da alimentação por ervas e temperos naturais (alho, cebola, salsa, cebolinha, coentro, pimenta etc.).

Então, nada de temperos industrializados e caldos em tabletes ou pó, pois são riquíssimos em sódio. Sopas e macarrão instantâneo também devem ser excluídos da alimentação, já que abusam do sal.

Assim, uma alimentação para prevenção e tratamento da celulite deve ser rica em verduras e legumes. Esses devem ocupar, pelo menos, a metade do seu prato.

Um bom aporte de proteínas também contribui para a firmeza da pele, melhorando o aspecto da celulite. Dessa forma, inclua uma fonte de proteína em todas as refeições.

As proteínas estão presentes em alimentos como carnes, leite e derivados e todas as leguminosas, como os feijões, grão de bico e ervilha, por exemplo.

Estratégias no combate a celulite.



3. Como tratar a celulite: exercícios físicos

Os exercícios ajudam na redução do percentual de gordura corporal ou na manutenção do peso ideal, o que automaticamente minimiza a celulite.

Mas os resultados aparecem com a constância no treinamento. Não adianta se matricular na academia já no verão e fazer umas poucas aulinhas achando que vai ficar com a pele lisinha. A atividade física regular deve ser mantida para o resto da vida, não tem milagre!



4. Consumo de suplementos

Uma alimentação balanceada rica em verduras, legumes, frutas, proteínas e gorduras de qualidade fornece todos os nutrientes de que precisamos. Essa é sempre a melhor opção.

Mas, se por questões diversas a sua alimentação não é regrada e de boa qualidade, cápsulas contendo vitaminas, sais mineraisantioxidantes e substâncias mobilizadoras de gordura podem ser consumidas como forma de garantir a ingestão desses nutrientes.


Antes de você correr para a farmácia para comprar qualquer desses produtos, recomendo uma visita a um nutricionista, para ele prescrever uma dieta exclusiva para você. Lembre-se “a diferença entre um remédio e um veneno pode ser a dose”.

Muitos nutrientes precisam de outros para serem bem absorvidos e aproveitados pelo organismo.

Além disso, os elementos naturais encontrados nos alimentos são sempre mais absorvíveis do que os encontrados nas cápsulas.

A natureza facilita isso para a gente, já que os alimentos são fontes de vários nutrientes que atuam de forma sinérgica, beneficiando o nosso metabolismo.



Suplementos nutricionais para tratamento da celulite

Dentre os suplementos nutricionais mais recomendados para tratamento da celulite estão:

  • Silício orgânico, pois ajuda a reorganizar a estrutura das camadas da pele. Opções clique aqui e aqui nesse link.
  • Antioxidantes como as vitaminas C e E e o selênio, que atuam diminuindo a inflamação.
  • Picnogenol, pois melhora a sensação de “peso das pernas” e o edema subcutâneo, com redução significativa da pressão venosa.
  • Quercetina, atua diminuindo o edema. Encontre clicando aqui nesse link.
  • Extrato de chá verde, já que age aumentando a temperatura, intensificando assim a quebra da gordura. Encontre clicando aqui e aqui nesse link.

5. Como tratar celulite: cremes e óleos

Os cremes e óleos anticelulite são auxiliares no tratamento. Como a celulite atinge 9 entre 10 mulheres, a indústria farmacêutica tem grande interesse em desenvolver produtos para tratar esse mal.

Assim, várias substâncias têm sido usadas no tratamento da celulite. Elas atuam tanto ativando a microcirculação local, para favorecer a drenagem do excesso de líquido e toxinas, como acelerando o metabolismo e ajudando na queima de gordura.

Os principais princípios ativos usados na tratamento da celulite são: cafeína, carnitina, ginko biloba, centella asiática (clique e vja post), extrato de castanha da índia, mentol, extratos de algas, polifenóis etc.

Se você não puder ou quiser fazer massagens modeladoras e drenagem com profissionais, faça você mesma.

Uma massagem vigorosa em movimentos circulares nas áreas com celulite com o creme específico até a total absorção pela pele já ajuda muito.

Abaixo algumas opções de cremes anticelulite:Como tratar celulite: 7 estratégias.

  1. Óleo anticelulite redutor de medidas Caudalie (clique aqui), com fórmula 100% vegetal, que combate a celulite existente e evita seu reaparecimento.
  2. Gel anticelulite Nívea (clique aqui), firma a pele em duas semanas e reduz visivelmente a aparência da celulite em 3 semanas.
  3. Óleo de Bétula para celulite Weleda (clique aqui), atua diretamente na celulite, além de ativar a regeneração natural da pele deixando-a mais firme e lisa.
  4. Hidratante Anticelulite Nivea Pernas Renovadas (clique aqui), desincha e relaxa as pernas. Contém mentol, que refresca e ajuda a melhorar a circulação; Q10, L-Carnitina e Cafeína que combatem a celulite e firmam a pele em 4 semanas
  5. Clarins Contour Body Treatment Oil (clique aqui), com óleos essenciais de gerânio e manjerona.



6. Massagens

A drenagem linfática e as massagens modeladoras ajudam a melhorar o aspecto da celulite, pois ajudam na eliminação do excesso de líquidos e toxinas.

Além disso, promovem a reorganização dos nódulos de celulite, deixando a superfície da pele mais lisa.

Podem ser feitos tanto por profissionais como através da automassagem. Mas é preciso constância para a manutenção dos resultados.

O uso de bons cremes e óleos colaboram no tratamento. Tanto através da presença de princípios ativos como, também, pelo fato de facilitar o deslize das mãos sobre a pele.

Mas existem bons equipamentos que facilitam a tarefa da automassagem. Abaixo coloquei alguns exemplos:

Como tratar celulite.
Aparelho massageador – clique aqui para o produto.
Massageadores – clique aqui confira o produto.
Aparelho para massagem.
Aparelho de massagem – clique aqui para ver o produto.

7. Como tratar a celulite: tratamentos estéticos em clínicas

Se você tiver tempo e dinheiro existem, também, vários tratamentos nas clínicas de estética e consultórios de dermatologistas.

Mas antes de se submeter a qualquer tratamento estético, contudo, se informe sobre a formação do profissional e a legalidade da clínica. Confirme também se o aparelho é aprovado pela ANVISA.

Se você não seguir essas orientações, estará correndo sérios riscos desnecessários. Alguns problemas podem ser irreversíveis!

Enfim, é isso! E você? Quais dessas estratégias você já está seguindo? Está gostando dos resultados?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error:
Rolar para cima