Biolareira

Lareiras: charme e calor para todos

Compartilhe!

Com esses dias frios que têm feito nada como uma lareira para aquecer e decorar o ambiente com muito estilo, conforto e aconchego. Mas se engana quem acha que só pode ter lareira as casas e apartamentos preparados para isso, com dutos e chaminés. Hoje existem diferentes modelos de lareiras que combinam praticidade no uso, segurança e facilidade de instalação, podendo ser colocados em qualquer casa ou apartamento. Modernas, tradicionais, minimalistas ou item de destaque, conheça nesse post os vários tipos de lareiras encontrados atualmente no mercado.



Tipos de lareiras

As lareiras podem ser subdivididas em 4 tipos:

  • Lareiras ecológicas
  • Elétricas
  • A gás
  • Lareiras a lenha



Lareiras ecológicas ou biolareiras

São chamadas ecológicas porque usam álcool, substância renovável e menos poluente, produzindo uma chama amarelada e duradoura.

Em geral o combustível das biolareias é o álcool líquido de cereais. O fogo produzido não tem cheiro e nem faz fumaça, dessa forma, não há a necessidade de fazer um duto.

Todos os modelos de lareiras ecológicas possuem um reservatório para o álcool e já vêm com um acendedor e um instrumento para apagar a chama sem o risco de produzir queimaduras.

Biolareira

Com o recipiente cheio, a chama dura de duas a três horas ou mais, dependendo do modelo e da ventilação do ambiente. As biolareiras possuem um mecanismo que regula a potência da chama. 

Não é recomendável, contudo, utilizar o álcool gel porque este produz resíduo sólido, gerando fumaça tóxica ao se carbonizar.



Existem vários modelos e tamanhos de lareiras ecológicas disponíveis no mercado.

Algumas são feitas sobre uma base em madeira de reflorestamento com uma cúpula de vidro (aqui tem) e já estão prontinhas para uso.

Enquanto outras, como essas aqui, precisam que seja feito um nicho de pedra para a instalação, vidro, madeira com proteção refratária ou estrutura de alvenaria. Se for usar vidro, contudo, lembre-se que esse deve ser refratário.



Vantagens das lareiras ecológicas

As lareiras ecológicas não precisam de chaminé, pois não produzem nenhum tipo de sujeira, fumaça ou vapores tóxicos.

É ideal para quem não dispensa chamas de verdade e não quer, contudo, aumentar seu consumo de energia.

E possuem uma vantagem extra, podem ser portáteis. Dependendo do tamanho e do modelo (há inclusive modelos com rodinhas – veja aqui), pode ser transportada para qualquer ambiente.

Encontre outros modelos de lareiras ecológicas AQUI.



Desvantagens dos modelos a álcool

As desvantagens são ter que comprar o álcool para abastecer a lareira e, quando a área é muito grande, é necessário colocar mais de uma lareira para aquecer o ambiente de fato.

Acessórios disponíveis

Você pode adquirir acessórios para decorar e aromatizar a sua lareira, como esses abaixo:

  • Pedras – podem ser de mármore (brancas), arenito (em tom bege-claro) ou vulcânicas (veja aqui). Além de decorativas, auxiliam na irradiação do calor para o ambiente. Podem ser usadas também em lareiras a gás.
  • Lenha cerâmica (aqui tem) – este acessório, específico para certos modelos de lareira de bioetanol, consiste em “troncos” de fibra cerâmica pintada, que imitam a madeira natural. O material é resistente ao fogo, e pode assim ser colocado sobre as chamas.
  • Essências – para perfumar suavemente o ambiente. Pode-se colocar óleos perfumados em uma aromatizadora de lareira. Ao ser aquecido, óleo libera aroma de laranja, alecrim ou canela.



Exemplos de lareiras ecológicas

Lareiras: modelos tradicional, ecológico, a gás e elétricas.

Lareiras: modelos tradicional, ecológico, a gás e elétricas.

Lareiras: modelos tradicional, ecológico, a gás e elétricas.

Biolareira



Lareira ecológica

Biolareira



lareira ecológica



Tipos de lareiras: modelos a gás

Usam gás GLP (botijão de cozinha) ou gás natural. As chamas, acionadas por controle remoto ou botão giratório, saem por meio de orifícios parecidos com os da chama de um fogão.

Esse tipo de lareira também não faz sujeira nem fumaça, como as tradicionais à lenha, por isso dispensam o uso da chaminé, se tiverem dispositivos de segurança adequados.

Os modelos mais seguros têm um sistema de controle que bloqueia a saída do gás (uma válvula de controle), se o nível de oxigênio estiver impróprio para a respiração, ou no caso de a chama se apagar inesperadamente.

Por seu alcance de aquecimento, entretanto, é a melhor opção.

Mas o inconveniente é que é necessário ter um ponto de gás no local, que deverá ser feito por um profissional especializado.

Lareira

Normalmente a instalação já deve estar pronta na hora em que o técnico for instalar a lareira.

Mas fique atento quanto aos sistemas de segurança regulamentados pela ABNT na NBR 13.103, que as lareiras a gás devem ter para evitar acidentes.

Encontre modelos a gás AQUI.

Antes de fazer a instalação, contudo, verifique com o fabricante da lareira quais são os requisitos técnicos necessários.



Ambientes com o modelo à gás

Lareira a gás


Lareira a gás

Lareira a gás



Lareira a gás



Tipos de lareiras: elétrica ou virtual

Existem ainda as lareiras elétricas, também conhecidas como lareiras virtuais ou digitais.

São na realidade um aquecedor, mas possuem uma projeção do fogo em 3D bem realista, que simula uma lareira convencional.

Elas podem ser embutidas na parede ou na marcenaria ou penduradas como um quadro.

O funcionamento é acionado por um botão de liga/ desliga. Mais prático impossível!

Possuem controle de temperatura, ajuste de iluminação e até controle remoto.

São perfeitas para quem não quer gastar com reforma para instalação de dutos de gás ou chaminé e também para quem não quer ficar se preocupando com a compra de álcool ou lenha.

Também não necessitam de nenhuma limpeza, não emitem gases e não oferecem nenhum risco para quem tem crianças, pois o vidro não aquece.

A potência deve ser escolhida de acordo com o tamanho do ambiente, mas quanto maior a potência, maior o consumo de energia elétrica.

Eu tenho uma e adoro (essa primeira foto aí embaixo é da minha). Parece mesmo uma lareira de lenha e aquece de forma satisfatória o ambiente. E quanto ao gasto de energia, o consumo é o mesmo de um aquecedor de ambiente.

Encontrei alguns modelos de lareiras elétricas AQUI.

Lareira elétrica



Lareira elétrica

Lareiras: modelos tradicional, ecológico, a gás e elétricas.



Lareiras: modelos tradicional, ecológico, a gás e elétricas.


Lareira elétrica no quarto

Lareiras: modelos tradicional, ecológico, a gás e elétricas.



Tipos de lareiras: modelo a lenha tradicional

É o tipo mais tradicional e conhecido. Usa a queima da lenha para manter o ambiente aquecido.

Tem a característica de preservar o cheiro da madeira sendo queimada, a cor natural do fogo e os estalinhos.

Mas, apesar da tradição, tem o inconveniente da fuligem, da fumaça e exige a limpeza das cinzas.

Também pode ser trabalhosa para acender e necessita espaço para acondicionar a lenha que será consumida.

Além disso, não é nada ecológica, mesmo que seja utilizada madeira certificada.

Para ser instalada precisa de obras, já que em geral é feita de alvenaria, sendo indispensável uma chaminé.

Se seu apartamento não tiver sido projetado pela construtora para ter uma lareira a lenha, contudo, será impossível instalá-la.

Mas ao optar por esse tipo de lareira fique atenta ao tipo de piso do ambiente.

Como a queima da madeira produz fagulhas, o contato dessas partículas com carpete ou tecido pode causar incêndios.

Assim, o ideal é usar piso de porcelanato ou cerâmica. Vale também investir em telas de proteção.



Sugestões de decoração com lareiras tradicionais em alvenaria

Lareiras: modelos tradicional, ecológico, a gás e elétricas.

Lareira a lenha



Lareiras: modelos tradicional, ecológico, a gás e elétricas.


Lareiras: charme e aconchego para todos.



Lareiras a lenha em metal

Existem também os modelos de lareira a lenha feitas em metal, como ferro ou aço, que são mais fáceis de serem instaladas do que as de alvenaria.

A lareira pode ser apoiada sobre o chão ou então pode ser suspensa.

Seu funcionamento é idêntico ao de uma lareira a lenha tradicional.

Assim, você também vai precisar se preocupar com a instalação de uma chaminé.

Tem, ainda, a fumaça, a fuligem e as cinzas.

Mas, contudo, dá aquele cheirinho de lenha queimada no ambiente, que é uma delícia para quem gosta. Eu adoro! Que pena que a minha elétrica não tem.

Lareiras: charme e aconchego para todos.



Lareira de metal suspensa

E você, também gosta de curtir um friozinho em frente a uma lareira? Para mais dicas sobre decoração clique AQUI.

10 comentários em “Lareiras: charme e calor para todos”

    1. Olá, Iara!
      Aquece o cômodo onde está a lareira, não a casa toda. Para que você tenha um resultado satisfatório é importante que a lareira tenha as dimensões recomendadas pelo fabricante para o tamanho do seu ambiente, no caso de uma lareira elétrica, a gás ou a álcool. A lareira comum a lenha também deve ser proporcional ao tamanho do ambiente para que você tenha um ambiente aquecido. Eu tenho uma lareira elétrica na sala e ela tem funcionado satisfatoriamente. Espero ter ajudado. Um abraço, Márcia.

Deixe uma resposta

Rolar para cima