Guia do perfume

Guia dos perfumes: clássicos e atuais

Compartilhe!

Ah, os perfumes das nossas vidas!  O cheiro da pessoa amada, o aroma da comida da mãe, o perfume de uma flor, o cheiro de um lugar especial. Basta sentir um aroma familiar para que a cena do passado venha na nossa memória com uma incrível riqueza de detalhes, não é?!



Isso é a nossa memória olfativa. Fenômeno que acontece porque o olfato está diretamente conectado aos mecanismos fisiológicos que comandam nossas emoções.

Quando sentimos um aroma, a informação passa pelas narinas e é processada no sistema límbico, parte do cérebro responsável pela nossa memória, sentimentos, reações instintivas e reflexos.

Então, o que fazer para marcar presença positiva e agradável na memória olfativa das pessoas? Estar sempre cheirosa! Mas sem exageros, claro!

Neste guia de perfume você vai conhecer os tipos mais comuns, os perfumes considerados clássicos e as fragrâncias mais vendidas em todo o mundo.

Escolha uma para chamar de sua, ou muitas como eu.



Guia de perfume

Não sou do tipo de pessoa que usa sempre o mesmo perfume. Acho muito charmoso quem consegue. Eu escolho um perfume para usar de acordo com o meu estado de espírito do dia, temperatura ambiente, horário e atividade que vou fazer.

Acho brega, por exemplo, fazer ginástica com um perfume muito forte, como um eau de parfum. Ninguém deve ser obrigado a ficar sentindo seu perfume, por melhor que ele seja.

Conforme você vai suando, vai exalando mais e mais o cheiro e isso acaba incomodando muito quem está por perto (#ficaadica).

Outra coisa, não adianta copiar o perfume de alguém. É comum o mesmo perfume apresentar cheiros distintos quando aplicado em pessoas diferentes. Isso porque os odores corporais são únicos, sendo resultado de nossas características biológicas e hábitos.

A temperatura da pele também interfere diretamente no cheiro que a pessoa exala.  Quanto mais quente, mais o perfume se vaporiza e se espalha pelo ambiente.



Guia de perfume: Tipos mais comuns

Quando vamos comprar um perfume novo é comum ficarmos em dúvida quanto as nomenclaturas usadas para descrever os tipos mais comuns. Estes diferem em relação a concentração das essências.

Quanto maior a concentração, maior é a durabilidade do perfume e, em geral, maior o preço também. Assim, os tipos de perfumes mais comuns são:

  • Extrato de perfume – é o mais forte de todos. Tem até 40% de essência. A duração é de 24 horas.
  • Eau de parfum – tem em sua composição de 10% a 20% de concentração de essências. A sua fixação chega a 12 horas, basta aplicar algumas gotas em lugares estratégicos. Por apresentar um cheiro bem ativo, prefiro usar para sair a noite. Acho também mais confortável usar o eau de parfum em dias mais frios.
  • Eau de toilette tem fragrâncias mais discretas. Sua concentração de essência varia entre 6% e 12% e a fixação não passa de 8 horas.
  • Eau de cologne (água de colônia) – a concentração de essência fica entre 5 % e 8% e seu poder de fixação não dura mais do que 6 horas.

Onde aplicar os perfumes

Algumas partes do nosso corpo, por terem maior fluxo sanguíneo superficial, são mais quentes e por isso perfeitas para se aplicar os perfumes.

Assim, procure passar seus perfumes em regiões como a nuca, atrás das orelhas, nas dobras dos cotovelos e atrás dos joelhos. Você vai parecer que está perfumada por inteiro.


Guia de perfume: clássicos da perfumaria mundial

Agora veja quais são os perfumes que são considerados clássicos, pois ainda hoje fazem sucesso. Eles tiveram a fórmula e/ou o frasco atualizados:

Água de Colônia 4711

Em 1792 surgiu a primeira Água de Colônia na cidade de Colônia na Alemanha e foi batizada com o nome 4711, número do endereço onde a água de colônia foi criada.

A loja existe até hoje, mas é possível encontrar essa colônia a venda aqui no Brasil também. Para conferir clique AQUI.

A Água de colônia 4711 apresenta um perfume cítrico refrescante, com notas de bergamota, limão, lavanda e néroli. E é unissex.

Guia do perfume
Água de Colônia 4711 (aqui tem).

Guia de perfume: Chanel número 5

Coco Chanel marcou a década de 1920 com o lançamento do perfume Chanel 5. Segundo sua criadora “um perfume de mulher com cheiro de mulher”.

É um dos perfumes mais conhecidos e que se tornou must have depois que Marilyn Monroe declarou dormir nua, usando apenas gotas dele.

É o percursor da chamada família floral aldeídica. O aldeído é um ingrediente sintético que realça ainda mais os cheiros dos ingredientes naturais e foi usado a primeira vez no Chanel Nº 5. Já tive e amei, cheiro de rica! kkkkkkkk

Guia do perfume
Chanel Nº 5

Shalimar da Guerlain

O perfumista que assina esta fragrância é Jacques Guerlain.

Com notas cítricas (contém tangerina, bergamota e limão siciliano), patchouli, jasmim, rosa, sândalo, almíscar entre outros ingredientes.

O Shalimar foi o primeiro perfume a utilizar etil-vanilina, molécula química artificial, que imita a baunilha com uma intensidade exagerada. Link AQUI.

Guia de perfumes
Shalimar da Guerlain (LINK).



Mais clássicos da perfumaria mundial

Joy

Desenvolvido pelo perfumista Jean Patou em 1930, é formulado com 10.600 flores de jasmim e 28 dúzias de rosas, já foi o perfume mais caro do mundo. Além das matérias primas raras, o frasco vinha enfeitado com um fio de ouro.

Guia dos perfumes
Joy

Miss Dior

Foi  lançado depois da guerra em 1947. Contém notas cítricas de mandarina da Sicília, laranja-de-sangue e bergamota, de jasmim, de rosa damascena, patchouli, vetiver e sândalo.

Segundo a Dior “tem a eterna sofisticação da mulher Parisiense“. Tem AQUI.

Perfume Miss Dior
Miss Dior (AQUI).

L’Air du Temps da Nina Ricci

Desenvolvido por Robert Ricci em 1948 para traduzir o sentimento de renascimento da paz no pôs guerra. É um floral com notas de cravo, rosa, jasmim, gardênia, íris e sândalo. Tem AQUI.

Perfume Nina Ricci
L’Air du Temps Nina Ricci (aqui).



Outros perfumes clássicos

Mais perfumes clássicos, mas que ainda são vendidos:

Opium de YSL

A tendência oriental na perfumaria foi imortalizada em 1977 com o lançamento do perfume Opium por YSL. Perfume rico em especiarias, com notas de bergamota, ameixa, coentro, cravo-da-índia, jasmim, baunilha, madeira de cedro e sândalo. Encontre AQUI.

Opium YSL
Opium YSL (aqui tem).



Anais Anais da Cacharel

Perfume floral lançado em 1978. Contém notas de flor de laranjeira, lavanda, madressilva, jacinto, limão siciliano, bergamota, cassis, lírio branco, sândalo, patchouli e cedro.

Foi sucesso nos anos de 1980. Já usei muito! Tem um cheiro bem gostoso, muito feminino. Tem AQUI.

Gua dos perfumes: Anais Anais Cacharel
Anais Anais (encontre aqui).



Poison da Dior

Foi lançado em 1985, é um perfume frutal, com notas de coentro, erva-doce, flor de laranjeira, framboesa e groselha. Tem AQUI.

Poison da Dior
Poison da Dior (encontre aqui).

Angel de Thierry Mughler

Criado em 1992, é um perfume bem adocicado e marcante. Tem cheiro de caramelo e chocolate. Apresenta ainda notas de patchouli e baunilha.

O frasco é lindo, tem a forma de uma estrela. Eu tenho, comprei AQUI, mas só consigo usar a noite e em dias mais frios, pois comprei a versão eau de parfum.

Guia dos perfumes: Angel
Angel Thierry Mughler (AQUI).



CK One de Calvin Klein

Perfume fresco e agradável para ser usado a qualquer hora. É unissex. Foi lançado em 1994. Tem notas cítricas e especiarias sobre um fundo de musk. Tenho e amo! Quando estou sem inspiração para o perfume vou de CK One. Comprei o meu AQUI.

CK One perfume
CK One Calvin Klein (AQUI)



Os perfumes mais vendidos da atualidade

A seguir apresento os perfumes mais desejados do momento.

Guia de perfume: Chance da Chanel

Perfume floral no qual se entrelaçam a aroeira-salsa, o jasmim e o patchouli ambreado.

Perfumes: guia completo.
Chance da Chanel



J’adore da Dior

Contém Ylang-Ylang das Ilhas Comores e essência de Rosa Damascena, unidas ao Jasmim Sambac.  A embalagem simboliza um colar de fios de ouro. Tenho, comprei AQUI, e acho maravilhoso!

J'adore da Dior
J’adore da Dior (AQUI).



Guia de perfume: Light Blue Dolce & Gabbana

Com aroma floral e frutal, combina cedro siciliano, folhas de maçã verde, bambu, jasmim, rosa branca, madeiras cítricas, âmbar e almíscar. Encontre AQUI.

Light Blue Perfume
Light Blue (AQUI TEM).



Mais vendidos da atualidade: La Vie Est Belle da Lancôme

Perfume com 63 ingredientes. Mistura as famílias olfativas floral, frutal e gustativa. Resultante da mistura de ramos de jasmim, rosas, gardênias e outras flores com notas de frutas mais suaves, doces e frescas.

Esse está na minha lista de compras! Tem AQUI.

La vie est Belle Lancôme
La Vie Est Belle Lancôme (encontre aqui).



Guia de perfume: 212 Sexy Carolina Herrera

Finalmente, o perfume 212 Sexy Feminino da Carolina Herrera.

Em Eau de Parfum é uma fragrância extremamente feminina e sedutora, que transmite uma aura mais misteriosa de sensualidade. É ideal para mulheres que esbanjam sensualidade e sofisticação.

Contém pimenta rosa, mandarim e bergamota, com fundo de sândalo, baunilha e musk branco. Eu tenho e amo! Comprei o meu AQUI.

Guia de perfumes: clássicos e atuais.
212 Sexy Carolina Herrera (link AQUI).

Aprenda mais sobre perfumes no post que eu fiz sobre famílias olfativas (o link está aqui).

Curtiu esse guia de perfume? E você tem algum desses perfumes? Qual seu preferido?

Quer ver dicas de maquiagem? Então, clique aqui.

6 comentários em “Guia dos perfumes: clássicos e atuais”

Deixe uma resposta

Rolar para cima